Avançar para o conteúdo principal

Módulo de Nutrição e Saúde Integral - Novembro e Dezembro de 2012

Hoje em dia, a prevenção em saúde e particularmente a procura por uma melhor qualidade de vida é indispensável a qualquer ser humano. Com este módulo pretende-se desvendar a importância de melhorar os hábitos alimentares, combater o sedentarismo e cultivar amizades. A partilha de experiências de vida e conhecimentos de si próprio é desenvolvida no sentido melhorar a sua saúde física, mental e emocional. Esta é a etapa para desfrutar plenamente cada dia de uma vida mais longa. Ser saudável e feliz, agora e no futuro, é o desafio que vos proponho.
O módulo é constituído por 8 sessões de 1 hora por semana, ao longo dos meses de Novembro e Dezembro. 
  
Beatrice Wood, aos 100 anos
"Algures dentro de mim, tenho um excedente de anos, mas graças a Deus só tenho 32 anos."

"Porquê 32 anos?"
"Gosto da forma como me soa, traz-me boas recordações."

Para mais informações contate:
224 087 957 | 967 652 619 | 916 937 849

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Food Matters (legendado)

"Se pensa que pode ir ao médico e tomar um comprimido para tudo, está profundamente errado."
"Há cada vez mais pessoas a recorrer a alternativas, porque o que se tem feito até agora não funciona."
"Descubra o que realmente funciona!"
"É uma opção. Você não tem de ficar doente."

Compulsão alimentar diz-lhe alguma coisa?

Se não está satisfeito com o seu Peso e/ou o seu Comportamento Alimentar, este artigo interessa-lhe!
Leia a minha reflexão sobre esta temática, que vai muito além do pecado capital da vida moderna - a Gula. Pode de facto ser uma problema com consequências muito negativas para a sua saúde.
Disponível já nas bancas na revista Saber Comer Com Saúde da ZEN energy!

A alma, o corpo e tu.

Quando tu consegues tomar consciência que tu não és tu - não a um nível intelectual - porque esse está muito acessível e só não o desenvolve quem não quer ou não se interessa... mas a um nível mais profundo... Tu deixas de querer ser tu, leia-se os outros: aqueles que têm o teu sangue, aqueles que te "educaram", aqueles que de uma forma ou de outra te marcaram e guiaram o teu caminho, as tuas escolhas, conscientes ou não, os teus hábitos, os teus vícios... e que te trouxeram ao que tu és agora.
De que vale a pena caminhares na rua com os sapatos mais lindos da loja, se te apertam o dedo mindinho ou se escorregas dentro deles, quando os paralelos da rua não são assim tão paralelos, têm altos e baixos, são irregulares e imprevisíveis. E tu, o teu corpo e a tua mente estão nesse jogo, no jogo do medo de não cair no buraco da estrada que te impede de desfrutar do caminho?
Os "sapatos" que tu calças permitem-te voar? São tão leves que a tua Alma pode calçar, sem sentir…